Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 21 DE OUTUBRO DE 2014

Email
HOME
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  20/10/2014   O preço do petróleo em queda traz perdas e ganhos - Em menos de duas semanas, a cotação do petróleo tipo Brent desabou de pouco mais de U...     20/10/2014   O trio de desigualdades - Houve uma dose considerável de desconexões nos recém-concluídos encontros anuais1 do Fundo Monetário Internacio...     20/10/2014   "Bolsa Microempresa" encarece e atrasa contratações públicas - Em 2006, o Estatuto Jurídico das Microempresas (Lei Complementar 123) crio...     20/10/2014   Brasil agiu certo na OMC. E errado - Na disputa eleitoral, os especialistas da oposição afirmam que o Brasil errou ao botar fichar nas ne...     20/10/2014   O equilíbrio dos poderes - Já afirmei que a campanha presidencial está tão agressiva porque quem perder perderá muito, talvez tudo. Será ...     20/10/2014   Proteção tarifária do país se mantém elevada e "rivais " reduzem impostos - "Perdemos a exportação e estamos perdendo também o mercado in...     20/10/2014   Agentes de trânsito vão usar radar móvel a partir do dia 28 em Cuiabá - A princípio dois radares móveis e 30 talonários eletrônicos serão...     20/10/2014   JAC muda de ideia e "rebatiza" SUV pequeno que estará no Salão de SP - Modelo que era chamado pela marca de T4, será lançado como T5. Exi...     20/10/2014   Economia de energia no ES equivale a 4 meses de Aracruz, prevê Escelsa - Benefícios do horário de verão dividem opiniões entre os capixab...     20/10/2014   Transporte público de qualidade será tema de fórum em Caruaru, PE - I Fórum Regional de Transporte ocorrerá nesta terça (21) no auditório...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

13/04/2008

Coca-Cola FEMSA padroniza frota de terceirizados com 480 caminhões Mercedes-Benz

Empresas

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

8,66

13 votos

José Carlos Cabral – DA REDAÇÃO/CANAL DO TRANSPORTE - Mais uma compra de peso comprova de vez o aquecimento da indústria nacional de caminhões.

Agora é a vez da Coca-Cola FEMSA, maior engarrafador da gigante de bebidas na América Latina, que, de uma tacada só, comprou nada menos que 480 caminhões Mercedes-Benz (fotos, divulgação).


Novo Mercedes-Benz Axor 2540 da Coca-Cola FEMSA

Negócio - Todos os caminhões adquiridos são destinados à renovação e padronização da frota das transportadoras terceirizadas que prestam serviços à Coca-Cola FEMSA no estado de São Paulo. O lote negociado inclui 435 semipesados Atego 1718 para entrega urbana de bebidas nos pontos de venda em localidades próximas a São Paulo, Jundiaí, Campinas, Santos e Litoral Norte. Os 45 restantes, dos modelos pesados Axor 2540 e 2640, para transferência de produtos entre as fábricas de Jundiaí, Jacareí e Mogi das Cruzes até os centros de distribuição. O negócio inclui ainda o tradicional contrato de manutenção de fábrica da montadora.



Novos caminhões Atego 1718 da Coca-Cola FEMSA em ação

De acordo com a montadora, com seus 53.000 quilos de PBTC (Peso Bruto Total Combinado) o Axor 2540 possibilita o transporte de até 30 paletes de bebidas utilizando um semi-reboque de três eixos distanciados. Já o Axor 2640 (74.000 quilos de PBTC) traciona rodotrens de 9 eixos e permite transportar até 40 paletes.



Axor 2540: até 30 paletes de bebidas

No caso do transporte entre as fábricas e os centros de distribuição, toda a logística foi redesenhada pela Coca-Cola FEMSA. Para aproveitar ao máximo a relação peso e espaço ocupado no caminhão, levando em conta a Lei da Balança, a empresa decidiu substituir carretas de 48.000 quilos de PBTC por composições com maior capacidade de transporte.



Uma das 435 novas unidades do Atego 1718 da Coca-Cola FEMSA

Para atender as especificações exigidas pela engarrafadora, a Mercedes-Benz realizou um amplo trabalho de consultoria de transporte. Segundo a empresa, incluiu a indicação de veículos ideais para as operações do cliente; elaboração de contratos de manutenção adequados ao projeto de logística e distribuição da empresa; dimensionamento e determinação do ponto ideal de renovação da frota, além do treinamento de motoristas para os novos caminhões.

O trabalho também envolveu pequenas adequações nos veículos. O Atego 1718, por exemplo, ganhou reforços no feixe de molas e no diferencial - o que, segundo a montadora, aumentou a robustez e a resistência do caminhão, resultando em maior disponibilidade do veículo e menores custos de manutenção. Já para o Axor 2540 da Coca-Cola FEMSA, com o objetivo de ganhar produtividade, criou uma versão mais curta de entreeixos: 3.100 mm.




Estrutura - Sediada no México e com uma força de trabalho de aproximadamente 6 mil colaboradores, a Coca-Cola FEMSA atua no Brasil, Argentina, Venezuela, Colômbia, Panamá, Costa Rica, Nicarágua e Guatemala. No mercado brasileiro, onde possui três fábricas e 12 centros de distribuição, a companhia opera em São Paulo (capital paulista, Campinas, Santos e litoral) e no Mato Grosso do Sul.

 

Por Canal do Transporte

 

Qual a sua avaliação?

2 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Recomendar   Imprimir

Clique para ampliar

Leia Também

Cummins celebra parceria e marco histórico da Foton Caminhões

TNT vê demanda aquecida e lucro segue na meta

Cummins desiste de ter fábrica no interior de SP

GE tem lucro acima do esperado no 3o trimestre

Eike entrega OGX a credores para se livrar de dívida de R$ 13,8 bilhões

O preço do petróleo em queda traz perdas e ganhos

O trio de desigualdades

"Bolsa Microempresa" encarece e atrasa contratações públicas

Brasil agiu certo na OMC. E errado

O equilíbrio dos poderes

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

UFRGS

Federasul

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística