Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 21 DE SETEMBRO DE 2018

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  21/09/2018   RGE Sul investe R$ 1,08 MI em obras na área rural de Rosário do Sul e Alegrete - Plano prevê a construção de 14,5 Km de rede e troca de 1...     21/09/2018   CCR ViaOeste e CCR RodoAnel entregam cadeiras de rodas novas pelo Lacre Solidário para Itu, Votorantim, Araçariguama - Com a entrega, o p...     21/09/2018   Rodovias administradas pela CCR SPVias passarão por obras entre 23 e 30 de setembro - A CCR SPVias, empresa fiscalizada pela ARTESP (Agên...     21/09/2018   Artesp autoriza nova operadora de pedágio eletrônico nas rodovias paulistas - Greenpass irá lançar o Taggy, produto para o pagamento auto...     21/09/2018   CCR AutoBAn - Dia da Árvore - Dia da Árvore - Alunos da Fundação Antonio-Antonieta Cintra Gordinho (FAACG), acompanhados pela equipe de M...     21/09/2018   CCR MSVia informa usuários da BR-163/MS sobre trechos em obras - Nesta sexta-feira (21/09), a CCR MSVia informa aos usuários da BR-163/MS...     21/09/2018   MODERN Logistics integra lista das startups mais cobiçadas do LinkedIn - A lista “Top Startups 2018”, organizada pelo LinkedIn, anuncia a...     21/09/2018   CBTU instala mais de 1300 câmeras de alta resolução em estações do Metrô de Recife - Tecnologia possibilita acompanhar o vai e vem de 400...     21/09/2018   "Acorda, Motorista", da Entrevias, fará testes de saúde gratuitos em Marília e Sertãozinho - Condutores que pararem nas bases de Policiam...     21/09/2018   CCR SPVias apoia o projeto “Rodovia Mirim” em Tatuí - Atividade realizada pela Polícia Militar Rodoviária acontece no km 129 da Rodovia C...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

14/06/2018

Setor elétrico brasileiro teve baixa rentabilidade nos últimos anos, aponta estudo da KPMG

Destaques

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

?

0 votos

As estatais elétricas brasileiras tiveram baixa rentabilidade nos últimos anos. Essa foi a principal conclusão de um estudo realizado pela KPMG em parceira com o Instituto Acende. O levantamento tinha como objetivo responder se o setor é rentável e adotou como indicador o EVA (da sigla em inglês, Economic Value Added) - Valor Econômico Adicionado). Foram analisados dados de 36 companhias abertas que atuam com geração, transmissão e distribuição de energia, no período de 2011 a 2016.

A pesquisa foi feita tomando como base dois cenários para análise dos resultados: o primeiro contém resultados de todas as 36 empresas e o segundo exclui a Eletrobras e suas subsidiárias. No primeiro caso, o EVA foi significativamente negativo de 2011 a 2015 e apresentou valor positivo apenas em 2016, ano em que houve a contabilização das indenizações acima citadas, um evento não recorrente. Somados os EVAs anuais, o estudo aponta que houve uma perda econômica consolidada foi de R$ 103,5 bilhões, valor superior ao orçamento do Bolsa Família em 2017, de R$ 80 bilhões. Já no segundo cenário, a perda econômica consolidada foi bem menor, R$ 10,9 bilhões. Nesse caso, o EVA aparece ligeiramente positivo em 2011 e 2012; depois, há o início de uma série de três anos de EVA crescentemente negativo de 2013 a 2015, como consequência da desestruturação setorial generalizada provocada pela MP 579, que acabou afetando todas as empresas, e não somente a Eletrobras; e por fim, houve uma tímida retomada em 2016, com EVA positivo de R$ 1,6 bilhão.

Segundo a sócia da KPMG, Franceli Jodas, os resultados acima permitem algumas conclusões: "A interferência política gerou consequências negativas no longo prazo para todo o setor elétrico, basta avaliar os resultados do EVA após a Medida Provisória 579. A rentabilidade somente agora retoma a patamares razoáveis de retorno sobre o capital e que este equilíbrio é fundamental para a sustentabilidade dos investimentos no setor", afirma.

Sobre a escolha do indicador e da amostra pesquisada — Em relação ao indicador, a escolha do EVA se deu pelo fato que ele inclui na sua formação o peso tanto do capital de terceiros quanto do capital próprio, e considera o custo de oportunidade de ambos os tipos de capital. O EVA é classicamente adotado para revelar a rentabilidade de setores de infraestrutura.

No que diz respeito à escolha de amostra das empresas, de forma geral, foi definida com base na disponibilidade de dados por elas publicados e buscando obter cerca de 70% de representatividade em cada elo da cadeia (por exemplo, as empresas geradoras da amostra respondem por cerca de 70% da potência instalada no Brasil).

 

Por Portal Fator Brasil

 

Qual a sua avaliação?

0 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Indefinição sobre frete deve estimular uso de hidrovias e ferrovias para escoar produção agrícola de MS, diz secretário

O futuro do Brasil é levar comida para o mundo

Novos Caminhos

Só 38% dos municípios têm política de saneamento

Em meio a atrasos e incertezas, mais de 50 projetos de pacote de privatizações vão ficar para próximo governo

RGE Sul investe R$ 1,08 MI em obras na área rural de Rosário do Sul e Alegrete

CCR ViaOeste e CCR RodoAnel entregam cadeiras de rodas novas pelo Lacre Solidário para Itu, Votorantim, Araçariguama

Rodovias administradas pela CCR SPVias passarão por obras entre 23 e 30 de setembro

Artesp autoriza nova operadora de pedágio eletrônico nas rodovias paulistas

CCR AutoBAn - Dia da Árvore

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística