Fale Conosco pelo MSN ou Skype

 20 DE AGOSTO DE 2017

Email
HOME
QUEM SOMOS
Capacitação
Consultoria
PESQUISAS
NOTÍCIAS
Editorial
Destaques
Artigos / Entrevistas
Logística
Trânsito
Multimodalidade
Empresas
Comex - Mundo
Economia
Mercosul / Cone Sul
Tecnologia
Política
Legislação
Eventos e Cursos
Agência Intelog
ASSINE GRÁTIS
TODAS EDIÇÕES
INTELOG WIDGET
INTELOG TICKER
RSS
Entre em Contato
Tornar página inicial
Adicionar aos favoritos
Mapa do Portal
Recomendar
Imprimir esta página
Translate This Page

  Tempo



 

  Ferramentas

Calcule o tempo e as rotas para sua viagem
Show My Street - Passeio virtual pelas ruas do mundo
Flightradar 24 - Tráfego Aéreo em Tempo Real
Dados e Informações de Todos os Países do Mundo - IBGE
Veja a hora em tempo real no mundo todo - TimeTicker.com
Leia jornais de todo o planeta - Newseum.org

  20/08/2017   Chinesa CEFC está em negociações preliminares para comprar fatia na Rosneft - A CEFC China Energy, que surgiu como um operador de petróle...     20/08/2017   Abengoa Brasil recebe aprovação de credores para plano de reestruturação - A unidade do grupo espanhol de energia e infraestrutura Abengo...     20/08/2017   Eletrobras criará canal de denúncias para melhorar controles - Alvo da Operação Lava Jato nos últimos anos e buscando coibir irregularida...     20/08/2017   Eletrobras vai recorrer de decisão da Aneel e diz que tem R$2 bi a receber da CCC - A Eletrobras vai recorrer da decisão da Agência Nacio...     20/08/2017   Cemig oferece pagar R$11 bi por usinas e busca garantias para evitar leilão - A Cemig ofereceu ao governo federal pagar 11 bilhões de rea...     20/08/2017   Citigroup lidera grupo de bancos para IPO da BR Distribuidora, diz fonte - O Citigroup e outros sete bancos devem coordenar a oferta inic...     20/08/2017   Licitação de unidade de gás da Petrobras terá poucas estrangeiras, dizem fontes - Diante de casos bilionários de corrupção envolvendo emp...     20/08/2017   Angra 1 vai parar por 60 dias para reabastecimento, diz Eletronuclear - A usina nuclear de Angra 1 será desligada a partir das 0h de sába...     20/08/2017   Linha de Transmissão Xingu-Terminal Rio obtém licença do Ibama - O Ibama emitiu a Licença de Instalação (LI) que autoriza o início das ob...     20/08/2017   Marcopolo exporta ônibus para o Catar - A Marcopolo fechou contrato para exportar 32 ônibus Viaggio 900 para o operador de fretamento QET...  
Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Clique para ampliar

24/10/2010

Plástico reciclado na ferrovia

Multimodalidade

Translate to EnglishTraducir al EspañolÜbersetzung der Deutschen意大利語翻譯Traduit en FrançaisTraduci in Italiano

Nota

10

1 votos

A Wisewood, empresa de madeira plástica, com sede em Itatiba (SP), está em busca de investidores para promover sua expansão no país.

Primeira fabricante de dormentes de plásticos a partir de lixos residuais em escala industrial, a companhia tem contrato fechado com a concessionária de ferrovias MRS Logística e seus produtos já estão sendo testados pela Vale.

Controlada pelo empresário Rogério Igel, um dos acionistas controladores do grupo Ultra, a empresa está em conversações com alguns fundos de investimentos, entre eles, o Stratus. Esse fundo já é sócio de outra empresa de Igel, a Ecosorb, especializada em gerenciamento ambiental.

Criada em 2007 e com primeiro contrato fechado no início deste ano com a MRS, a Wisewood aposta agora no segmento de pisos industriais, utilizados em larga escala pela construção civil e também na fabricação de "decks" (revestimentos para áreas externas).

A Wisewood é especializada em dormentes para reposição. Igel explica que a malha ferroviária é de cerca de 29 mil quilômetros no país, dos quais entre 1,5 milhão e 2 milhões de peças são repostas por ano. "Os dormentes de madeira que ficam em regiões que alagam, como a de Santos (SP), por exemplo, precisam de reposição a cada dois anos porque apodrecem."

Em sua ampla fábrica instalada em Itatiba, interior de São Paulo, a companhia recebe o lixo residual, entre os quais rebarbas de fraldas descartáveis, recipientes de óleo combustíveis e de detergentes, bombonas e sacos de embalagens para transformá-los em dormentes. "Lixo vale dinheiro", diz. Todo esse material é coletado de cooperativas, sucateiros e das próprias indústrias. A produção das peças de plástico ainda é marginal, mas já tem atraído interesse de grandes companhias.

Com 95% de participação na empresa, Igel quer obter os 5% restantes, que ainda estão nas mãos dos antigos controladores da companhia - episódio que o empresário faz questão de esquecer. "Não pretendo ficar com 100% do controle, por isso, negocio a entrada de novos investidores." Procurada, a Stratus, uma das possíveis candidatas, não comenta o assunto.

Com faturamento projetado em R$ 6 milhões para este ano, a expectativa é atingir R$ 20 milhões em 2011 e alcançar R$ 50 milhões no ano seguinte. Para buscar essa meta, além dos novos investidores e diversificação dos negócios, Igel aposta em novos contratos.

"Conversamos com diversas ferrovias e estamos dispostos a efetuar todos os testes necessários para colocarmos nossos produtos no mercado."

Antes de instalar os dormentes de plástico nos trilhos, os produtos foram testados pelo IPT (Instituto de Pesquisa Tecnológica), PUC-Rio e Unicamp. A expectativa é de que a receita com a venda dos dormentes da Wisewood ceda espaço nos próximos anos para os pisos industriais, que já estão em fase de testes.

Aos 63 anos, Igel não nega o espírito empreendedor de sua família, controladora do grupo Ultra. O empresário trabalhou no grupo até os anos 90, depois decidiu pela "carreira solo". Em 1997, fundou a Ecosorb, especializada em socorro ambiental, no qual tem uma participação de 40%, outros 40% estão nas mãos do fundo Stratus, cujo perfil são investimentos em projetos com apelo ambiental, e o restante está nas mãos dos executivos da companhia. "Também quero reestruturar o modelo de negócio da Ecosorb", diz, aproveitando para dar recado ao mercado.

 

Por Valor Econômico - SP

 

Qual a sua avaliação?

1 Comentários - Faça o seu comentário

Voltar

Compartilhar

Clique para ampliar

Leia Também

Piratas digitais atacam navios

Ferrovia Paraense é apresentada durante reunião em Redenção

Resíduos de contêineres que caíram de navio são encontrados a 100 km de local do acidente na costa de SP

Estações República e Luz da Linha Amarela do Metrô ficarão fechadas neste domingo em SP

Modelo de investimento diferencia aeroporto dos Amarais de Viracopos, diz presidente de concessionária

Librelato e Randon apostam em super-rodotrem

Insegurança nas rodovias é a principal preocupação do caminhoneiro brasileiro

Brasil tem o terceiro maior custo médico-hospitalar do mundo

Motobombas levam águas do São Francisco à região metropolitana de Fortaleza

Pista subterrânea vai melhorar trânsito na Ponte Rio-Niteroi

Mais...

 

Este site possui suporte ao formato RSS



Notícias em Tempo Real

   

Google
Pesquisa personalizada

       

 Powered by CIS Manager - Desenvolvido por Construtiva

Intelog - Inteligência em Gestão Logística